sexta-feira, 24 de junho de 2011

chega de saudade!


Nas Beiras matam-se saudades... muitas saudades! Mas ganham-se outras...
Dorme-se, come-se, revê-se a família e a infância e sorri-se às histórias contadas tantas vezes!
Tondela, a minha infância que deixa saudades e deixará sempre, mesmo que regresse de tempos a tempos!
Um excelente fim-de-semana, em que o ipod, nas viagens de comboio, como antigamente, nos deixa músicas de outros tempos e, no regresso, já em breve a Lisboa, nos faz cantarolar:
"Vai minha tristeza
E diz a ela que sem ela não pode ser
Diz-lhe numa prece
Que ela regresse
Porque eu não posso mais sofrer..."

3 comentários:

  1. Canção triste mas cantada com alegria na voz!
    A maravilha de ser brasileiro: estão tristes mas estão contentes por estarem tristes!;)

    ResponderEliminar